Sete equipas de Aveiro apuradas para a 2.ª eliminatória da Taça de Portugal

As equipas de Aveiro que participam na Taça de Portugal estiveram perto de alcançar o pleno de vitórias na 1.ª eliminatória da competição. Beira-Mar, Sanjoanense, Anadia, Gafanha, Sp. Espinho, Cesarense e Recreio de Águeda garantiram o apuramento para a 2.ª eliminatória, enquanto que Lusitânia de Lourosa e Pampilhosa acabaram eliminados.

O Beira-Mar, que compete na Divisão de Elite de Aveiro, foi ao terreno do Lusitano de Vildemoinhos triunfar por 4-2, com golos de Bruno, logo no primeiro minuto, Letz, Alex e Artur. Tratou-se de um jogo em que o Beira-Mar foi dominador e, para o médio Artur, autor do golo que fechou as contas da partida, a exibição da sua equipa reflete o trabalho desenvolvido na pré-época. “Fizemos um jogo muito bem conseguido, que demonstra o valor da nossa equipa e o trabalho da pré-época, embora nessa altura poucas pessoas acreditassem que fosse possível vencermos na taça, já que os resultados não foram os melhores”, refere.

O médio de 34 anos, que regressou ao Beira-Mar há duas épocas e vai já na 11ª ao serviço dos aurinegros, espera que a vitória na Taça de Portugal seja um bom pronúncio para o resto da temporada. “No ano passado, as coisas correram-me bem a nível pessoal, mas os objetivos coletivos não foram conseguidos. Desejo que esta época o Beira-Mar consiga o seu grande objetivo, que é regressar às provas nacionais. No caso da Taça de Portugal, o melhor seria que o sorteio fosse nosso amigo e nos desse um adversário do nosso nível na próxima eliminatória”, conclui o jogador.

Lourosa e Pampilhosa foram as exceções à regra na 1.ª eliminatória

O Lusitânia de Lourosa teve uma tarefa complicada no terreno do União da Madeira. A equipa agora orientada por André Ribeiro esteve a perder 1-0, mas Hélder Castro garantiu o empate no tempo regulamentar. No prolongamento, os insulares foram mais fortes, vencendo por 3-1. Sorte idêntica teve o Pampilhosa, que cedeu na receção ao Oliveira do Hospital, depois de perder por 4-2 no desempate por grandes penalidades. 

O Sporting de Espinho também viu o seu jogo estender-se até aos 'pénaltis', diante do Cinfães, mas foi mais forte e venceu por 5-4. Já a Sanjoanense bateu a AD Nogueirense, em casa, por 2-0, com os golos do triunfo, apontados por Martin e Rafa (grande penalidade), a surgirem nos últimos dez minutos da partida.

Quanto ao Cesarense, levou a melhor sobre o Mêda, com a equipa comandada por Bruno Conceição a garantir a vitória por 1-0, com um golo solitário de Varela, ainda na primeira parte. Quem também venceu pela margem mínima foi o Recreio de Águeda, que, na receção ao Trancoso, beneficiou dos golos de Iafai e Thierno Niang para confirmar o triunfo por 2-1.

Em Anadia, a equipa de Nuno Pedro começou a vencer bem cedo, com golos de Michael e Marcelo, ainda na primeira parte. Pedro Santos consumou a vitória do Anadia por 3-1 a meio da segunda parte. Já o Gafanha, garantiu o apuramento para a 2ª eliminatória da Taça de Portugal com um triunfo por 2-0 na visita a Mangualde, em jogo com o Silgueiros. Diogo Tavares e Bruno Fernandes foram os autores dos golos dos aveirenses.

Fotografia
SC Beira-Mar

10 de Setembro de 2018
Vítor Hugo Carmo
[email protected]
Notícias Relacionadas
Equipas
Categorias
Tags
Twitter
Facebook
Notícias Mais Lidas