Antevisão e análise à Divisão de Elite por José Alexandre Silva

A jornada
Um golo do reforço Rodrigo, aos 90+2, deu a vitória ao Beira-Mar no terreno do São João de Ver, na partida que era, por todos os motivos, a que mais se destacava na sexta jornada. Com este resultado, o plantel orientado por Cajó é líder do campeonato, a par do Bustelo, com a vantagem de ter menos uma partida realizada. Sinal forte dos aveirenses, que começam a ganhar distância para os adversários que no início da competição se afiguravam como candidatos.

Uma palavra ainda para a terceira vitória consecutiva do Oliveira do Bairro, para a meia surpresa dos três pontos conquistados pelo Alba em casa do líder Esmoriz, com a equipa de Hugo Oliveira a mostrar estar confortável na pele de “outsider”, e para o regresso aos triunfos do União de Lamas, mais uma vez fora de casa.

O destaque
Os cinco empates, em outros tantos jogos, do Vista Alegre é algo que não deixa de ser curioso, dando azo a algumas interpretações, sejam negativas ou positivas. O destaque surge nessa dicotomia, porque há que dar o mérito a uma equipa que em 450 minutos, mais os descontos normais, só sofreu um golo, revelando dessa forma uma consistência defensiva invejável. Mas também há que relembrar o demérito por, no mesmo espaço de tempo, só ter marcado uma vez, o que, se calhar, é a razão para nunca ter ganho.

Em termos individuais, o primeiro jogador a chegar aos cinco golos foi um “veterano” nestas andanças: Mário. De regresso a uma casa onde sempre foi feliz, o avançado do Bustelo inaugurou o marcador frente ao Macieirense e conseguiu, dessa forma, a primeira “mão” de remates de sucesso.

A antevisão
Por motivos distintos, são dois os jogos que, para mim, estão em destaque na próxima jornada, um relacionado com a luta pela subida e o outro, no polo oposto, pela manutenção. A receção do União de Lamas ao Pampilhosa vai a ajudar a definir, certamente, o destino de pelo menos um dos dois candidatos assumidos à subida de divisão. Lutando contra um Beira-Mar “imperial”, a margem de erro para as duas formações é quase zero, sendo fundamental, por isso, ganhar.

No outro lado da tabela, o Avanca recebe o Vista Alegre, numa partida que se espera “nervosa” entre duas formações que, esta época, optaram por uma aposta na juventude e, naturalmente, reduziram o orçamento, baixando as expetativas de uma classificação na primeira metade da tabela. Com dois e cinco pontos, respetivamente, Pedro Alves e Ricardo Pinheiro anseiam pela primeira vitória. E precisam dela.

26 de Outubro de 2018
Notícias Relacionadas
Categorias
Tags
Twitter
Facebook
Notícias Mais Lidas