Cajó confirmado como treinador do Beira-Mar

É oficial: Cajó é o novo treinador do Beira-Mar, depois de uma semana em que ocupou de forma interina o cargo e devolveu os aurinegros aos triunfos. A promoção à equipa sénior surge na sequência da saída de Carlos Miguel, que não resistiu a dois desaires consecutivos nas três primeiras jornadas do Campeonato Safina.

Ao departamento de comunicação do Beira-Mar, Hugo Coelho, presidente do clube, justificou a saída de Carlos Miguel com “contingências do futebol” e oficializou a aposta num treinador que, garante, “era a primeira opção”.

“Tenho a certeza que o Carlos Miguel queria ganhar tanto como nós. Deu o máximo pelo clube, mas as coisas não correram como todos gostaríamos”, começa por dizer o dirigente, explicando que o mau arranque “abriu espaço para uma nova oportunidade, um novo treinador”. 

“Esse treinador é o Cajó”, prossegue, entre elogios a alguém “que é do Beira-Mar, que representou o clube durante toda a formação, que foi treinador dos juniores, e em que nós confiamos”. 

O técnico, por seu lado, não esconde alguma surpresa, mas garante estar preparado para “o desafio que sempre quis, algo que motiva e tem a fasquia bem elevada”.

“Desde que comecei a treinar, passei a focar-me muito na minha função e trabalho imenso para estar preparado”, sublinha, sem esconder que “o grande desafio é criar um grupo muito forte, um grupo em que os adeptos tenham muito orgulho”.

Na nova função, Cajó será adjuvado por Cílio Sousa, figura histórica do clube.

Fotografia
Sport Clube Beira-Mar

10 de Outubro de 2017
Pedro Fernandes
[email protected]
Notícias Relacionadas
Equipas
Categorias
Tags
Twitter
Facebook
Notícias Mais Lidas